Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Novo Benfica

Novo Benfica

02
Jul09

Culpas e Conselhos

António de Souza-Cardoso

Na véspera das Eleições do Benfica, e em face dos últimos acontecimentos, julgo que deve haver por parte de todos os benfiquistas e, em especial, dos directamente envolvidos no processo eleitoral, a maior serenidade e o espírito de serviço suficiente para colocar à frente dos interesses ou motivações de cada um, os superiores e permanentes interesses de uma instituição que não é de nenhum dos envolvidos mas de todos os sócios do Clube.

Dito isto cumpre-me recordar que quem motivou toda esta agitação nas eleições do Benfica não foi Bruno Carvalho. Quem motivou esta turbulência no nosso Clube foi Luis Filipe Vieira que quis usar os estatutos do Benfica para se agasalhar de putativas alternativas. Ciente que estava de uma gestão desportiva ineficaz que fez arrastar o Clube, a nível nacional e internacional, por patamares de intolerável vulgaridade.

Luis Filipe Vieira ao fazer o que fez deixou, com estrondo, cair a máscara. De cruzado pela verdade e pela transparência passou a mais um “habilidoso” do futebol português que não olha a meios para atingir os seus fins. Mostrou que julga que o Clube é dele e não dos sócios e que não tem que dar satisfações a ninguém pelos seus actos, enquanto Presidente do Benfica. Mostrou que é feito da mesma massa daqueles contra os quais parecia lutar. Mostrou demasiado apego ao lugar que circunstancialmente ocupa e ao poder que este proporciona. Mostrou, em suma, o pior que há num dirigente e num líder.

E agora que o feitiço se virou contra o feiticeiro, deixa estalar o verniz e envergonha o Benfica perante todo o País com insultos e impropérios intoleráveis ao candidato Bruno Carvalho de quem nunca ouvi palavras de menor elevação para com os adversários.

Todos sabem que sou apoiante de Bruno Carvalho. Não estou nem nunca estive envolvido na sua Lista e por isso os conselhos que lhe possa dar são apenas os de um Amigo e Admirador confesso.

Mas vou deixar escrito este único conselho. No mesmo Blog que, Eu e Ele, ajudamos a fundar:

Não gosto, caro Bruno Carvalho, que o meu Amigo ganhe na Secretaria. Claro que a Lei e os Estatutos do Benfica devem ser escrupulosamente cumpridos. Mas o único tribunal que deve julgar quem vai ser o Presidente do Benfica é o tribunal das ideias e dos compromissos de construção de um Benfica Maior. Um tribunal onde todos os Benfiquistas devem ser chamados a depor.

Por isso, Caro Bruno Carvalho, a confirmar-se que à luz dos Estatutos só a Sua Lista é elegível, julgo que como Presidente eleito, tal como prometeu, deve anunciar novas eleições para um prazo máximo de 6 meses que permitam que o Benfica se discuta com a tranquilidade, a elevação e a profundidade que Luis Filipe Vieira não permitiu que ocorressem nestas eleições.

E até lá deve gerir o Benfica, com a prudência, o descomprometimento e isenção que Luis Filipe Vieira também não teve neste período eleitoral.

Julgo que no final, qualquer que venha a ser o desenlace, o Amor que todos temos ao Benfica é quem triunfará!

 

António de Souza-Cardoso

 

 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D