Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Novo Benfica

Novo Benfica

19
Dez08

Ser um Clube Grande e um Grande Clube

Paulo Ferreira

Quando em 1904 Cosme Damião e mais 23 entusiastas criaram o Grupo Sport Lisboa, dificilmente imaginariam a dimensão do monstro que se ergueria.

 

Da implementação da sede, passando pelo 1º título nacional em 29/30, continuando pela construção do Estádio e fazendo desfilar virtuosos como Cavém, Chalana, Simões, Coluna, Eusébio, Humberto Coelho, Costa Pereira, Bento, entre tanto outros, o Benfica foi-se construindo um dos maiores e mais populares clubes do Mundo!

 

Foi através do seu ecletismo, das suas vitórias dentro e fora de portas, das grandes estrelas, e da célebre mística que se foi desenhando um Benfica de dimensão dificilmente descritível e da qual só nos apercebemos realmente quando ouvimos um “Ninguém pára o Benfica” em Anfield depois de eliminar o Liverpool, quando estamos fora de Portugal ou em outras situações que nos fazem arrepiar e perceber e sentir realmente o clube.

Os nossos principais rivais minimizam a nossa história, em detrimento de um passado recente menos condizente com a grandeza e herança do passado. Fazem-nos porque não a têm com a mesma dimensão e sentem necessidade de reduzir a importância de algo que é manifestamente fantástico.

 

Mas o Benfica continua a ser um Clube Grande porque é quem mais sócios e adeptos tem, é uma das maiores marcas nacionais (se não a maior), é quem tem adeptos mais fiéis e presentes, é quem tem o melhor palmarés (e a história conta e temos orgulho nela), é o único com uma real expressão mundial e concorde-se ou não com algumas medidas é quem tem estado na vanguarda da inovação e modernização (como sendo o primeiro a lançar um canal de televisão por exemplo)!

 

E também é um Grande Clube porque e apesar de uns anos recentes menos felizes, está neste momento em 1º na Liga, em 1º invicto no Basquetebol (onde o FCP está em 8º e o SCP não existe), em 4º no Voleibol e com várias vitórias seguidas (e o SCP e O FCP não existem) tem dois medalhados olímpicos no Atletismo, está à frente do SCP no Futsal (onde o FCP não existe), é 2º no Andebol apenas uma vitória atrás do FCP (e o SCP está em 5º) e em 3º no Hóquei (onde o SCP nem na I Liga está). E se a acção nas modalidades não está isenta de críticas (a saída de Fernando Tavares da liderança e de treinadores vitoriosos mal explicadas, investimentos seguidos de desinvestimentos com pouco critério, entre outros) a verdade é que se conseguiu manter grande parte das modalidades, torná-las menos dispendiosas e mais autónomas e ainda assim vai-se conseguindo ser competitivo (gostaria que o fossemos ainda mais, mas o balanço é positivo). E sei que muitos pensam que o Benfica é um clube de futebol mas discordo… basta recordar o antigo pavilhão cheio num Benfica vs Porto de Basquetebol ou Hóquei para perceber que os benfiquistas gostam do Benfica e apoiam-no em que modalidade for! O Benfica é prioritariamente um clube de futebol mas pode e deve ser mais do que isso e felizmente é-o!

 

Mas é por ser o que é e por dever muito à sua história que o Benfica tem de caminhar para um futuro de renovado sucesso, onde as vitórias sejam recorrentes e a Europa se curve perante a nossa competitividade. E tem de caminhar através de um presente ambicioso, mas sensato! A sede de vitória não pode provocar (novamente) loucuras que levem ao total desequilíbrio financeiro e consequente retrocesso neste processo de revitalização do clube que quero acreditar estar em marcha e no bom caminho. Muitos clubes já provaram que com orçamentos baixos mas grande capacidade de organização e gestão, com grande competência e com uma cultura de vitória se conseguem fazer grandes equipas e se consegue garantir consistência ano após ano.

 

Num período de desejos para o ano seguinte faço votos para que:

 

  1. O clube retome as vitórias recorrentes e seja campeão nacional com regularidade e que não se repita tão cedo chegarmos a Dezembro sem ambições europeias nem na Taça de Portugal
  2. Que este ano seja mesmo um ano 0 (de preferência uma ano 0 “à Mourinho” sendo campeão logo) e que para o ano não vivamos um novo ano 0
  3. Que o discurso seja mais ambicioso desde o Presidente ao Roupeiro e que ninguém se contente com um 2º lugar ou com um empate
  4. Que o clube viva dentro das suas possibilidades e não retorne aos endividamentos e desequilíbrios de onde tenta sair há tanto tempo
  5. Que o clube seja gerido com uma visão e uma estratégia, suportada nos erros e conquistas do passado, vivendo o presente e caminhando para um futuro melhor. Vivemos há demasiado tempo sobre o fantasma do passado e falando de um futuro, esquecendo-nos que o presente também é importante

 

Não sei se é demais mas apenas desejo um Benfica melhor desportivamente e mais equilibrado financeiramente e que honre e prestigie o seu passado, mas viva o presente e prepare um grande futuro!

 

Viva o Benfica!
Paulo Ferreira

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D