Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Novo Benfica

Novo Benfica

28
Out08

Um ano diferente

Miguel Álvares Ribeiro

 

No passado fim-de-semana assisti, pela televisão, à segunda parte do Porto-Leixões e ao jogo entre o Benfica e a Naval.
 
Do que vi nestes jogos retive principalmente:
 
- a qualidade do futebol praticado, quer pelo Leixões, quer pela Naval.
 
- a ingenuidade e passividade das defesas do Porto e do Benfica nos golos sofridos.
 
- o “regresso do sistema”, com situações claras mal ajuizadas, em benefício do Porto, que nem assim conseguiu evitar a derrota frente ao Leixões, e em prejuízo do Benfica que, apesar disso conseguiu vencer a Naval.
 
- o apoio proporcionado à equipa pela massa associativa do Benfica e as manifestações dos adeptos do Porto, com assobios e aceno de lenços brancos.
 
- mais tarde viria a saber que Pinto da Costa desceu ao balneário após o jogo e que os jogadores do Porto, especialmente o tristemente célebre Cebola, foram ameaçados e as suas viaturas apedrejadas.
Curiosamente, a imprensa continua a tratar estes assuntos que rodeiam o Porto com grande parcimónia, como se tivessem medo de relatar o que, de facto, se passa. A imprensa mais directamente ligada ao Porto, omite mesmo os desacatos no final do jogo e tenta fazer crer que a descida de PC aos balneários se deveu a uma manifestação de confiança no treinador e nos jogadores.
 
 
Tudo isto me faz pensar que este é um ano diferente, apesar de ainda se manterem situações de privilégio inaceitáveis. Para nós é certamente um ano diferente, pela qualidade do projecto em construção. A massa associativa do Benfica tem um papel importante a cumprir na motivação constante da equipa, como aliás é hoje ressaltado por Luisão em “A Bola”.
 
As últimas exibições do Benfica nem sempre foram muito entusiasmantes, mas os jogadores tiveram a força e a capacidade de sacrifício suficiente para conquistar importantes resultados, que aumentam a confiança e força anímica de toda a equipa e dos adeptos. Além disso, os resultados obtidos pelos outros principais candidatos ao título, mostram que alguns resultados do Benfica, que se diziam ser desastrosos, afinal não foram assim tão maus.
 
O crescimento da equipa, a recuperação de todos os jogadores do plantel e o apoio da massa associativa dão-me uma enorme confiança no futuro. Já no Domingo e na 5ª feira seguinte temos dois importantíssimos jogos. Com as vitórias que, estou certo, iremos obter frente ao V. Guimarães e ao Galatasaray, podemos assumir a liderança no Campeonato e no Grupo B da Taça UEFA.
 
Força Benfica!
 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D