Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Novo Benfica

Novo Benfica

25
Out08

Nova Luz, Novo Benfica!

António de Souza-Cardoso

Hoje, no solarengo dia 25 de Outubro, faz 5 anos que foi inaugurado o Estádio da Luz.

Cerca de 5 milhões de espectadores, 123 jogos e 80 vitórias depois, cumpre fazer uma primeira avaliação.

A “Nova Luz”, como sublinhou o Presidente, Luis Filipe Vieira, simbolizou a vontade de renascer de novo. Sem nenhum fractura com o passado, mas na perspectiva de que mesmo as grandes instituições, aquelas que têm melhor memória, podem ter momentos de entorpecimento e de preguiça e precisam de ser reinventadas e reconciliadas com o seu passado.

Depois de um conjunto de Direcções desastrosas o velho Benfica precisava de ser espevitado pelo ar fresco da mudança. Julgo que a “Nova Luz” tem cumprido esse primeiro desiderato. O de dar auto-estima aos benfiquistas, proporcionando-lhes uma casa nova de que todos nos orgulhamos e que está à altura dos pergaminhos e da dimensão universal do clube.

Um ano e meio depois da inauguração da Nova Luz, o Benfica foi campeão. E o entusiasmo da mudança alastrou-se aos Benfiquistas confiantes que o Clube voltaria a percorrer a áurea gloriosa de outros tempos e de outras casas.

Passaram-se 3 anos e o Benfica não ganhou mais. A Direcção de Luis Filipe Vieira não conseguiu ainda conciliar o Benfica com a Sua História, conferindo á mudança, uma dinâmica definitivamente vitoriosa.

As almas ganhadoras como a minha inquietam-se. E a pergunta que fica num momento de avaliação como este, não pode deixar de ser a interrogação de quem está ansioso por ganhar: Será que é desta?

Julgo, como já aqui disse, que o Benfica começa a ganhar aquilo que não teve nas duas últimas décadas – uma organização forte, assente num modelo de gestão claro e numa estratégia desportiva onde o rigor, o trabalho e ambição constituem mais do que objectivos, pressupostos de acção. Onde cada um tem o seu lugar e conhece o seu papel.

O Benfica apresentou, pelo segundo ano consecutivo, resultados positivos. Apesar dos investimentos feitos, as contas da SAD começam a consolidar-se e o passivo foi já reduzido de uma forma clara, conferindo uma imagem de credibilidade que permite ao Benfica perspectivar a continuação dos investimentos que tem feito a nível desportivo e sem os quais não fará aquilo que é, afinal, o seu principal desígnio – ganhar.

Dir-me-ão - tudo tem um tempo e esta Direcção tem provado que o Benfica está a dar passos seguros para uma reabilitação sustentada e duradoura.

Eu, apaixonado do Benfica, digo logo que sim, e agradeço o esforço de todos quantos contribuíram para esta mudança, este assomo de personalidade, esta vontade de emergir…

 Mas na mesma condição de apaixonado, digo também que esse tempo agradecido já foi dado a esta Direcção por todos os benfiquistas que continuam juntos, a alimentar a mesma mística e a mesma vontade de vencer.

Por isso é no tempo de hoje, porque não podemos esperar um minuto mais, no tempo em que comemoramos os 5 anos da “Nova Luz” que queremos ganhar.

 Que queremos ser todos “O Novo Benfica”.

 

António de Souza-Cardoso

 

PS: A minha homenagem sentida ao capitão do Benfica, Nuno Gomes. Sempre fui um seu devoto aficionado. Sempre o admirei pelas raras características que têm como goleador e como “construtor. É muito estimulante ver o “Novo Benfica” ser inspirado pela sua experiência e competência. É muito bom ver Nuno Gomes voltar às grandes exibições. Ele que deu o primeiro sinal de vitória na “Nova Luz”, marcando o primeiro golo. Ele que com a sua inteligência e liderança pode ser um dos principais instigadores deste “Novo Benfica”, sempre campeão!

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D