Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Novo Benfica

Novo Benfica

28
Nov09

Hoje há Sporting - Benfica com Cardozo

Miguel Álvares Ribeiro

Tal como previ, o jogo da Taça, com o Vitória de Guimarães, não foi fácil. O Benfica da primeira parte foi demasiado amorfo e macio, permitindo que se verificasse um certo equilíbrio no jogo. Na segunda parte o Benfica atacou muito mais, mas notava-se claramente a falta de um avançado rápido e possante na área.

 

Como o José Esteves de Aguiar já comentou, este jogo mostrou ainda que Jesus também dorme, tendo-me admirado a eternidade que demorou até se aperceber que Keirrison era uma carta fora do baralho. A frequência com que Keirrison é utilizado parece-me, aliás, só ser justificável pela esperança na explosão do jogador ou, mais provavelmente, por obrigações contratuais previstas no clausulado do empréstimo do jogador pelo Barcelona. Parece até que o Barcelona não estará satisfeito com a reduzida utilização do jogador, pelo que se admite que o possa recuperar para rodar noutro clube. Pelo que mostrou até aqui não irá deixar muitas saudades.

 

Hoje é dia de jogo grande e já dispomos de Cardozo, embora Saviola não esteja nas melhores condições, nem se sabendo ainda se poderá jogar. Será certamente um grande jogo e, ao contrário do que diz o RAP n’A Bola de hoje, espero que Proença não seja o maior criativo do Sporting, embora infelizmente as últimas semanas tenham voltado a trazer os fantasmas da arbitragem para primeiro plano. Que seja um grande jogo, sem polémicas nem erros de arbitragem, e que o Benfica ganhe justamente!

 

 

P.S. – Finalmente o Prof. José António foi autorizado a treinar o Benfica. O que é extraordinário, é que tenha sido necessária uma intervenção ministerial para que pudesse fazer aquilo que já tinha sido autorizado a fazer, quando o clube em causa não era o Benfica. Este tipo de situações só diminui aqueles que as praticam e as permitem. Admira-me que, numa instituição com grandes obrigações e com normas democráticas como é a Universidade do Porto, sejam permitidas actuações autoritárias e prepotentes como estas, que denigrem o nome da própria instituição e de todos os envolvidos no processo.

 

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D