Segunda-feira, 18 de Maio de 2009

Pedro Fonseca em 18/05/09 | comentar

Fui um espectador atento do Braga – Benfica. Mas, devido ao lugar que ocupei no estádio tive a oportunidade de seguir de bem perto o comportamento de Quique Flores e de Jorge Jesus. Um mano a mano, um duelo particular, entre o actual treinador do Benfica e o seu provável sucessor.

 

O que terá escapado aos olhos da esmagadora maioria dos espectadores, pude registar, interpretar, descodificar. Quique estava meia dúzia de metros à minha frente. Jesus um pouco mais distante, mas ainda assim podia ver a contracção dos seus músculos da face.
Mais do que fazer julgamentos sobre tácticas, substituições, escalonamentos, o que me proponho aqui descrever e partilhar é aquilo que eu “vi” no comportamento dos dois e que escapou à maioria.
Começo por fazer uma apreciação geral, dizendo que nem um nem outro foram verdadeiramente genuínos. Estiveram durante 90 minutos a desempenhar um papel, como actores. A imitar. Talvez que apenas num ponto tenham sido eles mesmos – Quique nunca deixou de trocar opiniões com Pako, seu adjunto; Jesus nunca falou com ninguém.
Quique quis “imitar” Jesus. Jesus quis “imitar” Trapattoni. O treinador espanhol foi muito interventivo, quase excessiva e exageradamente. Viu quase todo o jogo em pé, gesticulando, berrando, discutindo.
Num jogo praticamente a feijões, Quique deixou no balneário o fato de gala e vestiu o fato-macaco. Foi um treinador operário, bem longe do perfil que patenteou durante toda a época. É certo que as notícias ao longo da semana fizeram mossa no espanhol. O Quique de Braga travestiu-se de Jesus do Benfica.
Pegou-se com o quarto árbitro quando percebeu que Jesus utilizava em benefício do Sporting de Braga um artifício muito vulgar nos treinadores portugueses. A uma semana de acabar o campeonato, Quique começou a aprender as peculiaridades do nosso futebol, as suas manhas e os seus alçapões.
E continuou pelo jogo fora a discutir as decisões arbitrais, ao extremo de ser expulso pelo árbitro Artur Soares Dias. Uma pergunta se coloca: será que Quique o fez de propósito? Será que encontrou nesta artimanha uma escapatória para não cumprimentar Jesus no final do jogo?
Só ele poderá responder. Certo é que não me passou despercebida a troca de olhares entre os dois, com Quique a caminho do balneário.
Jesus, por seu lado, não foi o Jesus habitual. Mais comedido, mais sereno, mais tranquilo. O homem que faz quilómetros ao longo da linha lateral durante 90 minutos; o treinador que não pára um minuto, gesticulando, dando ordens e orientando os seus jogadores, não esteve no estádio Axa.
Jorge Jesus quis dar uma imagem de “estadista”. Largou o fato-macaco, vestiu o fato de gala. Fez-me lembrar Trapattoni, a Velha Raposa, de pé junto à linha, mas sempre imperturbável.
De que maneira é que isso afectou os seus jogadores, nunca se saberá. O que parece uma evidência é que Jesus quis adoptar um comportamento mais à imagem de um treinador do Benfica.
Desde já, lanço-lhe um conselho: meu caro Jorge Jesus, não tente ser quem não é; o seu futuro sucesso está em continuar a ser aquilo que sempre foi, um treinador sempre de fato-macaco.
É esse Jorge Jesus que o Benfica precisa. Genuíno, conhecedor de tudo o que gira à volta do futebol português, trabalhador, dedicado. Não tente mudar a sua imagem, nem o seu carácter, nem a sua genuinidade.
A imagem pode ser muito importante, mas mais importante são os adeptos, e os adeptos do Benfica querem-no a liderar vitórias e títulos, estão-se nas tintas para quaisquer outros traços característicos que podem fazer as delícias de alguma comunicação social, mas são irrelevantes para aquilo que queremos de si. Vitórias e títulos! Dá para perceber Jorge Jesus?



75 comentários:
De Tiago Silva a 19 de Maio de 2009 às 18:12
Que o adepto genuíno assobie e mostre lenços brancos ao Quique ainda se percebe, o adepto benfiquista não se contenta com a vitória, apenas com o massacre, com os tais 15 a 0.

O que me custa é ler estes artigos de opinião em que se defende com unhas e dentes ano após ano a mudança de equipa técnica. Ainda não deu para perceber? Alguém tem duvidas que qualquer uma das equipas técnicas que passou pela luz era campeã no Dragão?

Independentemente de quem se sente no banco.. deixem-no cumprir um projecto! Nem com o Trap que foi campeão quiseram ficar! É aí que os homens fortes do SLB se vão a baixo.. não podem ser influenciados pela massa adepta mesmo que isso não traga votos..

Também não vejo nada de bom na candidatura do Sr Bruno Carvalho, criticar trabalhos anteriores é facil quando as coisas não correm bem, apresente as suas ideias, projectos, ..

cumprimentos,
Tiago Silva


De zeppelin68 a 19 de Maio de 2009 às 16:23


De zeppelin68 a 19 de Maio de 2009 às 16:23


De nanigali a 19 de Maio de 2009 às 15:33
Quem não quer ver que o "rei" vai nú, já não está velho e não consegue alcançar mais além.
Juventude pra frente e o SLB renascerá das cinzas!


De Ricardo C. a 19 de Maio de 2009 às 15:31
Não entendo essa fixação pelo treinador e pelas vitórias conquistadas no momento. Calhou de acontecer com o Trapattoni , que depois saiu e teve de se começar tudo de novo. Ponham os olhos nos clubes ingleses, ou mesmo nos italianos que ficam com os treinadores anos a fio, e que acabam na sua maioria por fazer bons resultados. O Quique é um excelente treinador, assim como foram outros portugueses ou estrangeiros que passaram e que só tinham uma certeza, que se não ganhassem agora amanhã estavam na rua. Até o Sporting com um treinador que o máximo que atingiu foi ganhar a Taça de Portugal continua lá. Deixem o Quique em paz e a fazer o trabalho dele. Vai agora para lá outro treinador trabalhar com os jogadores que outro escolheu?É mais um ano que vai à vida.


De MARIA ALBERTINA COMO FOSTE NESSA a 19 de Maio de 2009 às 15:29
Crime: Elementos suspeitos de tráfico, armas, roubos, incêndios e agressões

“Vieira pediu à PSP para facilitar com No Name”
Luís Filipe Vieira garantiu ao Ministério Público nem sequer reconhecer os No Name Boys, acusando a polícia e a segurança privada por mau controlo de armas e material incendiário nos estádios – mas a PSP, num relatório a que o CM teve acesso, arrasa o presidente do Benfica. Pode ler-se que Vieira reúne com a claque para lhes dar todo o apoio, deixando entrar as tochas nas bancadas da Luz; despede o chefe de segurança do clube por ajudar a PSP a identificar os criminosos – e almoça com o comandante da polícia para lhe pedir que "facilite" na presença policial junto dos No Name Boys. Muitos deles entretanto presos por droga, armas, roubos, incêndios e espancamentos a adeptos rivais.


Os motivos para esta relação, segundo o relatório da PSP, são simples: a claque tem cerca de quatro mil elementos, grande parte deles sócios há muitos anos, logo, cada um com um número de votos superior ao normal. E votam sempre em bloco, tendo capacidade de aprovar ou não qualquer assunto em debate nas assembleias gerais (ver caixa).

Diz a PSP que os No Name Boys nunca se quiseram legalizar como associação para não serem identificados. Mas a direcção do Benfica 'não cumpre a lei e cede bilhetes a preço reduzido e instalações' a um grupo que, nas últimas épocas, intensificou 'a violência sobre a polícia e adeptos rivais'. Além de deflagrarem as 'tochas, petardos, very-lights e potes de fumo nos estádios', 'incitam à violência com o lançamento de tochas, isqueiros e cadeiras' e 'vendem droga no decorrer dos jogos'. No final, seguem, espancam e roubam as pessoas.

Foi por isso que a Divisão de Investigação Criminal da PSP de Lisboa avançou em Novembro do ano passado com 31 detenções. E obteve provas das ligações do presidente do Benfica à claque ilegal. Em 18 de Julho de 2008, reuniu com ‘Zé Gago’, dos No Name, 'oferecendo--lhes total apoio, afirmando que iria devolver a sede à claque, despedir o chefe de segurança Paulo Dias por ajudar a PSP e autorizar o uso de tochas dentro do estádio'.

Vieira almoçou com Diamantino Gaspar, comandante da PSP de Benfica, e, segundo este, pediu-lhe para 'aliviar' a presença junto da claque. O objectivo seria fechar os olhos 'a artefactos pirotécnicos', proibidos por lei, 'para as pessoas verem o que é o inferno da Luz'. Estas informações estão na Comissão Disciplinar da Liga e, na pior das hipóteses, o Benfica arrisca suspensão da actividade desportiva.

CHUMBARAM PRESIDENTE DA PT

A PSP conclui, no relatório final da investigação aos No Name Boys, que a direcção do Benfica é refém da claque ilegal pela capacidade de votação em bloco – quatro mil elementos – nas assembleias. E deram uma demonstração de força quando vetaram a proposta de tornar Henrique Granadeiro, presidente da PT, sócio honorário do clube.

'BRAÇO ARMADO DO BENFICA'

‘Zé Gago’ deu a conhecer à PSP a proximidade que a claque mantinha com Luís Filipe Vieira através de uma conversa ao telemóvel com o amigo Hugo Caturna, elemento 'extremamente violento' dos No Name Boys que nessa altura estava a ser alvo de escuta telefónica.

Caturna é considerado um dos cabecilhas da claque ilegal, o mesmo que disse, em escuta, que 'os No Name Boys são o braço armado do Benfica'. Esteve no incêndio ao autocarro dos adeptos do FC Porto, em Junho passado, e no espancamento de um militar da GNR apenas porque usava um cachecol do clube do Norte. Depois incendiaram-lhe o carro com uma tocha. E no telefonema que a PSP apanhou ouviu ‘Zé Gago’ dar-lhe conta do que Luís Filipe Vieira lhes prometera: na época seguinte não haveria polícias no sector dos No Name. O presidente do Benfica, segundo ‘Zé Gago’, afirmou que ia 'tratar da polícia em três tempos'. Vieira anunciou ainda 'correr com Paulo Dias', o chefe de segurança que se dava 'com polícias' e que na época seguinte as tochas podiam entrar na Luz. Quanto à sede da claque, 'a casinha', ia-lhes ser restituída e o clube pagaria as obras necessárias.

correio da manhã


De Pedro Rodrigues a 19 de Maio de 2009 às 15:13
Eu concordo com o F Caeiro quando diz que não é a mudar de treinador todos os anos que vamos derrubar aquele clube do norte.
Para todos os que desejam que o Quique fique no SLB toca a assinar a seguinte petição.

http://www.PetitionOnline.com/26803011/

SLB 4ever


De Dragão a 19 de Maio de 2009 às 15:06
Jorge Jesus no SLB ? Quique embora, esperem lá, por quanto ficou a vinda do cigano? e por quanto ficará a vinda do velho? os velhos funcionam quando tem uma boa equipe dirigente por trás, vê-se isso mesmo no FCP em que qualquer um serve para treinar.... agora no Benfica com a actual derigência e presidência ? Tenho minhas duvidas.... Ficar com um treinador uma só época ? Não o deixar mostrar seu trabalho? pois a verdade é que tem sido assim todos os anos e parece que nenhum "mister" por melhor que ele seja vinga no vosso glorioso, será todas as épocas o mesmo problema, (o treinador) será que ainda ninguém reparou no que está a céu aberto e a descoberto? que até quem está de fora, como é o meu caso vê isso na linha do horizonte?

E pergunto eu? andam cegos ou andam a seguir os hábitos da carneirisse como já aqui foi referido?


De joaoaugusto a 19 de Maio de 2009 às 15:31
E pergunto eu? andam cegos ou andam a seguir os hábitos da carneirisse como já aqui foi referido?

Caro Dragão:

O senhor é do FCP, carago.....o meu Glorioso anda "cego" ou, pior, os benfiquistas não querem ver e o pior cego é aquele que não quer ver...é a vida!

Falando a sério....JJ não é treinador para ter grande pressão como aquela que se sente nos nossos clubes.
Manuel José o que fez no SCP? e no Benfica?
Nada!
Jaime Pacheco é muito bom, ou foi, mas o que fez no Maiorca? Nada!
Há treinadores que só funcionam em alguns clubes.
Há outros que ganham sempre quando vão para o seu clube.

Era, era..o que acontecia no meu clube na década de setenta , como dizia Mário Wilson...no Benfica qualquer treinador sujeita-se a ser campeão , agora acontece com os treinadores que vão para o FCP...não me admira que QUIQUE FLORES para a época de 2010/2011 vá treinar o FCP.


De Dragão a 22 de Maio de 2009 às 10:32
Caro amigo joaoaugusto não acredito que o meu clube fosse buscar um treinador estrangeiro nesta altura, e muito menos um treinador como o Quique que não se enquadra nos nosso parâmetros (do nosso presidente) Agora uma coisa é verdade tem se visto gente que no Benfica não vingou e que a posterior ou ate anteriormente deu cartas no meu FCP ... Porque será???

Agora mais a serio a verdade é mesmo essa: ninguém quer ver o que realmente se passa e isso é que é pior, eu não sou nem nunca fui um antidesportivo e custa-me ver o glorioso numa situação destas, eu gostaria como é claro de ver o Benfica e outros clubes do nosso Portugal passearem pela nossa Europa e termos um futebol nacional disputado de outra forma.


E por fim todos esses treinadores que referiu vingariam no Porto como é lógico , até Jesualdo é campeão !!! No caso de JJ é verdade ele é a meu ver um treinador ideal para o meu FCP , pois na realidade o treinador no FCP só e preciso para passar a informação recebida para dentro das 4 linhas e pouco mais.... se é que me entende... nós temos o nosso sistema e estrutura futebolista estável a vários anos porque não andamos sempre a trocar direcções , equipas técnicas e acima de tudo Jogadores.

E era desta forma que deveria ser o seu Glorioso, vocês precisam de estabilidade e a vossa estabilidade não é como o LFV nem como o Rui entre outros mas aqui voltamos ao mesmo.... ninguém vê isso, andam cegos ou então é o quê??


A dita carneirisse ??



De João Tomaz a 19 de Maio de 2009 às 13:47
A visão do jogo foi, na minha opinião, tendenciosa para justificar a ideia base do post, com a qual, eu concordo.
O Jorge Jesus, a vir para o Benfica, tem que ser ele próprio. Nada mais do que isso. Tem que ser ser aquele granda cromo que parece perceber muito de bola.


De F Caeiro a 19 de Maio de 2009 às 12:21
Queremos quem? Jorge Jesus? Para quê?
Mais um igual a todos os outros?

O problema não está no treinador, pois eles têm mudado e o problema continua.

Temos que manter o Quique e dar-lhe apoio para que continue e melhore o que de errado fez esta época. Precisamos de um treinador 2 anos seguidos, por favor, abram os olhos!!!

Lamentável que ninguem saia a proteger publicamente o nosso treinador, quando todos lhe querem fazer o funéral.


De Pedro Rodrigues a 19 de Maio de 2009 às 14:55
Eu concordo com o F Caeiro quando diz que não é a mudar de treinador todos os anos que vamos derrubar aquele clube do norte.
Para todos os que desejam que o Quique fique no SLB toca a assinar a seguinte petição.

http://www.PetitionOnline.com/26803011/

SLB 4ever


De joaoaugusto a 19 de Maio de 2009 às 15:21
Lamentável que ninguem saia a proteger publicamente o nosso treinador, quando todos lhe querem fazer o funéral.


Pois é , quem cala consente, né......


De norte vermelho a 19 de Maio de 2009 às 17:11
pois é lamentavel que ninguem proteja o treinador pois é lamentavel que ninguem se revolte e avise quique que nao é para ser gentleman e sim para defender o benfica sempre que for prejudicado (como em braga) nem que seja logo na primeira jornada á que mostrar que nao estamos para brincadeiras e nao deixar passar nada em claro

lamentavel estes dirigentes que nao conseguem defender treinadores jogadores o clube fazer a blindagem do balneario e tornar um clube verdadeiramente unido

ainda noutro dia vi que o benfica teve um presidente borges coutinho salvo erro , que convidava todos os jogadores a almoçarem na sua quinta ja nao sei se todas as semanas ou duas vezes por mês , mas estao a ver a ideia criar laços criar raizes criar bom ambiente confiança entre os jogadores para que eles se tornem amigos e nao sejam apenas conhecidos isto e muito mais faz a diferença mas nao temos dirigentes á altura


Comentar post

bloggers
António de Souza-Cardoso (perfil)
Bruno Carvalho (perfil)
Eduardo Sá (perfil)
José Esteves de Aguiar (perfil)
Miguel Álvares Ribeiro (perfil)
Paulo Ferreira (perfil)
Pedro Fonseca (perfil)
Raul Lopes (perfil)
visitantes em linha
posts recentes

Temos Benfica!

Venha o Porto!

As grandes noites europei...

Estamos outra vez de Volt...

Não podemos ficar a "boia...

mais comentados
429 comentários
295 comentários
280 comentários
253 comentários
últ. comentários
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
MiguelAgradeço a participação, sempre oportuna e c...
Meu Amigo Está engana. fomos nós, sem apoio ou ace...
arquivos

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds