Quinta-feira, 18 de Setembro de 2008

Bruno Carvalho em 18/09/08 | comentar

 

                  

 

 

“O Benfica é o maior do mundo!!!”
 
Já todos ouvimos isto várias vezes. Muitos o dizem, mas será que o sentem mesmo? Será que estão mesmo convictos do que dizem?
 
Então vamos lá ver se o Benfica é ou não o maior clube do mundo.
 
Quando se fala de maior clube do mundo, afinal, fala-se de quê? De títulos ganhos? Do número de sócios ou adeptos? De capacidade financeira?
 
Vamos então fazer uma análise áqueles que são comummente aceites como sendo os clubes mais importantes do Mundo.
 
Comecemos pelo Real Madrid. O Real Madrid é o clube com mais títulos europeus, tendo sido por 9 vezes Campeão Europeu. O Real Madrid tem igualmente uma enorme capacidade financeira, tendo até alegadamente feito uma oferta de 100 milhões de euros para comprar o passe de Cristiano Ronaldo.
 
Mas isso faz do Real Madrid o maior clube do mundo?
 
Há uns anos atrás, numa conversa com Camacho, em Madrid, ele disse-me uma coisa que não me saiu da cabeça. Ele disse-me que o Real Madrid era muito grande e muito importante, mas que fora da cidade de Madrid o Real não era número 1 em lado nenhum. Camacho disse-me mais: o Real Madrid é respeitado e temido pelo mundo fora, mas não é amado.
 
Com o Manchester United ou Liverpool passa-se algo de semelhante com a diferença de terem ganho menos que o Real Madrid. Onde estão os verdadeiros adeptos do Manchester ou do Liverpool, a não ser nas respectivas cidades? Haverá algum sítio do mundo em que esses clubes são o emblema mais importante para além das suas cidades? Mesmo em Inglaterra, será que em Newcastle, Birmingham ou Leeds as pessoas são maciçamente do Manchester ou Liverpool? Tenho a certeza que não.
 
E o Barcelona? Se fossemos olhar para os títulos o Barcelona está muito longe do Real Madrid e em termos sociais ainda vale muito menos que o Real. O Barcelona é um clube parecido com o Porto, assim como o Atlético de Madrid é parecido com o Sporting.
 
De facto, o Barcelona representa um sentimento regionalista e com isso domina na Catalunha e vive por oposição ao Real Madrid. O Porto tem um papel semelhante em Portugal, tem no Benfica a sua obsessão, mas ao contrário do Barcelona não consegue sequer dominar o Norte de Portugal nem ter a capacidade financeira do clube catalão. Quem quiser confirmar o que digo que vá a Braga, a Famalicão, Viana do Castelo, Mirandela, Bragança ou Vila Real e verifique qual é o clube com mais adeptos. É, de longe, o Benfica.
 
Mas ter mais adeptos será um critério suficiente para se ser o maior clube do mundo? Manuel José, treinador do Al-Ahly, dizia há uns tempos que este clube do Cairo era enorme porque tinha cerca de 40 milhões de adeptos no Egipto. Mas fará isso do Al-Ahly um grande clube? Seguramente que não. Se fizesse, rapidamente qualquer clube chinês ou indiano poderia vir a dizer que é o maior clube do mundo.
 
Outros clubes como o Milão, Inter, Juventus, Bayern de Munique, Boca Juniors, Flamengo ou São Paulo têm o mesmo problema. São muito importantes nas suas regiões ou nos seus países, já ganharam muita coisa, alguns têm muito dinheiro, mas fora da sua área de influência directa não são nada. São muito respeitados. São adversários temíveis. Mas têm aquela coisa especial que faz deles o maior clube do mundo? A resposta é não.
 
Então, afinal, qual é o maior do clube do mundo?
 
É o Benfica. E porquê?
 
O Benfica é o maior clube do mundo não por causa de qualquer recorde do Guinness Book como alguns ignorantes nos querem fazer crer. Só pode dizer isso quem não percebe nada do que é ser benfiquista.
 
O Benfica é o maior clube do mundo porque num desenvolvimento histórico singular e irrepetível ganhou o respeito mas, acima de tudo, conquistou o amor de milhões em todo o mundo.
 
O Benfica conseguiu encarnar a diáspora portuguesa como nenhum outro clube do mundo o conseguiu fazer relativamente à história do seu próprio país.
 
Assim, o Benfica é o maior clube de Portugal, mas é também o clube nº 1 em Angola, Moçambique, Timor, Cabo Verde, Guiné e S. Tomé. Mas não só. Qual é o maior clube de Paris? Será o PSG que foi fundado em 1970? Não. É o Benfica. O Benfica que também é o maior clube na Suíça, no Luxemburgo e que tem uma enorme força na Alemanha, em Nova Iorque, em Toronto, na África do Sul ou em qualquer lado onde esteja um português.
 
O Benfica personifica a nostalgia e a alma de um povo, mesmo daqueles que não são simpatizantes do clube. E isso sente-se especialmente quando se sai de Portugal. Não há mais nenhum clube do mundo assim.
 
E o Benfica teve e tem Eusébio. Bem sei que o Real Madrid teve Alfredo di Stefano e o Manchester United Sir Bobby Charton. Mas Eusébio era outra coisa. Eusébio não era argentino nem inglês. Eusébio era africano, de Moçambique, o que representava a vocação universalista do Benfica. Eusébio era um rapaz simples e humilde com um talento incomparável. Eusébio carregou aos ombros todo um país no mundial de 1966. E chorou. As lágrimas de Eusébio deram a volta ao mundo e lavaram a alma de todos os portugueses que com ele sofreram.
 
E há mais. O Benfica é do povo. É popular no sentido literal do termo. É feito por gente simples que ama o Benfica mais do que tudo na vida e é capaz de sacrifícios espantosos pelo clube do seu coração.
 
Arrepia-me ver os novos jogadores estrangeiros do Benfica, quando chegam ao aeroporto da Portela, começarem logo a dizer que o Benfica é igual ao Real Madrid como se isso fosse algum elogio. A culpa não é deles. É claro que são instruídos por alguém dentro do Benfica para dizerem isso. Alguém que pensa que isso engrandece o Benfica. Nada mais patético. Faz-me lembrar quando os artistas brasileiros chegavam a Portugal e começavam logo a dizer que éramos um país lindo, maravilhoso e irmão. Soava a falso, como soam a falso as declarações dos jogadores recém chegados. Isso só acontece porque as pessoas que estão no Benfica não percebem verdadeiramente o que têm nas mãos. Estão lá, mas não sabem o que é o Benfica. Se vissem o Benfica como ele é não ficavam todos felizes com a comparação com o Real Madrid, mas proibiam-na.
 
Para se dirigir um clube como o Benfica é preciso ter-se categoria, algo que há muito anda arredado da Luz. Assim como para se ser jogador do Benfica é preciso ter-se algo de especial. Não é, de facto, coisa que esteja ao alcance de qualquer um.
 
Por muito que outros clubes possam ganhar nunca serão o Benfica. Não há nenhum clube do mundo que tenha a herança do Benfica. É preciso que o futuro do Benfica esteja à altura do seu passado. E para isso são precisas vitórias. Vitórias com honra, com glória, com humildade e com dignidade.
 
A minha última palavra vai para as Casas do Benfica espalhadas por Portugal e por esse mundo fora. Elas fazem um trabalho notável e desempenham um papel fundamental na manutenção da mística do Benfica. Mística essa de que todos falam, mas muitos não sabem o que quer dizer.
 
O Benfica é, de facto, um caso único no mundo do futebol.
 
O Benfica é, sem favor e sem exagero, o maior clube do mundo!
 
Bruno Carvalho
 
 
PS 1: Este postou deixou-me feliz e esgotado porque não foi escrito com a cabeça nem com os dedos, mas com a alma. Dedico-o a todos os benfiquistas, aos frequentadores deste blog e ao meu avô, que foi a razão de eu ser benfiquista.
 
PS 2: Queria deixar aqui saudações muito especiais a todas as Casas do Benfica, as que estão em Portugal e as que estão por esse mundo fora. Aproveito para retribuir o abraço que a Casa do Benfica do Porto me enviou. Não preciso explicar que a vocês calhou o papel mais difícil, pois estão no coração da cidade do principal adversário. Mas deixo-vos aqui uma palavra de louvor e digo-vos mais: a nossa hora chegará!
 
 



243 comentários:
De Fabio Realinho(de Tolosa) a 5 de Janeiro de 2009 às 17:12
Ajo que é um texto lindo porque é escrito por uma alma de um BENFIQUISTA EU AMO O BENFICA


De António Barreto a 30 de Setembro de 2008 às 20:29
Mai'nada !
Esta é a massa que une todos os Benfiquistas a sério!
Refrescar a alma faz bem, reconhecer outras semelhantes, ainda faz melhor.
Obrigado ó Bruno!
Talvez a qualidade que mais admiro no nosso Benfica seja a lealdade, depois da competência e da valentia; é muito bonito ver o nosso Benfica bater-se com galhardia, com amor pela arte, sempre respeitando o adversário! É tudo o que peço aos nossos atletas e dirigentes.
António Barreto


De Friend a 29 de Setembro de 2008 às 17:54
Caro Bruno,

uma coisa tem razão, essa é a maneira como pensa, mas não quer dizer que seja verdade, pois o MU e o Real Madrid são de longe muito grandes no mundo, só quem assiste pode testemunhar. Benfica também é, concordo, até porque tenho estado pelo estrangeiro, e tenho testemunhado isso, mas não só falar com a alma....

Fazer comparações assim, ultrapassam o humanamente possivel de chamar a razão, só porque nestas pessoas , essa não existe, pois só a sua está certa.

Mas como diz e bem, é a sua opinião fanática e irracional, e ninguém pode levar a mal, mas não queira que vamos concordar só porque o diz, pois é a SUA Verdade, nada mais que isso.

Mas gostei da poesia.

Abraço


De jorge amaro a 29 de Setembro de 2008 às 10:38
piada o maior clube do mundo. ah ah


De JORGE a 26 de Setembro de 2008 às 11:19
Caríssimo Sr. Bruno Carvalho, devo-lhe dizer que sou um benfiquista "ferrenho" desde que nasci...à 22 anos! este seu post foi das coisas mais arrepiantes que li em toda a minha vida, deu-me vontade de chorar...sinceramente...fiquei todo arrepiado porque vivo o benfica e sempre viverei! não há nada melhor que sentar-me no sofá e ver um jogo do glorioso. Embora nos últimos anos não tenhamos tido as alegrias que SENHORES como EUSÉBIO, COLUNA, BENTO, ÁLVARO MAGALHÃES, DIAMANTINO, SIMÕES, PREUD´HOMME, JOÃO VIEIRA PINTO, VELOSO, VALDO, RICARDO, SIMÃO, NUNO GOMES, etc etc etc...proporcionaram ao BENFICA, a verdade é que a sua história é única no mundo. Eu já fui diversas vezes ao estrangeiro e a primeira coisa que me falam quando descobrem que sou português é, sem dúvida, do Eusébio, Amália, Benfica, Figo...etc...noto realmente que existe grande respeito (e não raiva e ódio, como acontece, e que bem falou no seu post, com Madrid, Manchester, Barcelona...enfim, impõem-se pelo seu unico trunfo: o excesso de dinheiro, pensando que podem ganhar tudo, quando não verdade...bom...não é verdade). Essas equipas impoem-se com "respeito" pela sua capacidade económica, pela "caça" de estrelas como certas novelas com Ronaldos, Kákas, Ronaldinhos, Etoos...enfim, isso não é respeito, é a luta dos milhões que domina o futebol mundial de hoje. Vão-me senhores do fcp ou scp dizer que o Real tem milhões de adeptos na China ou Japão? Tem, é verdade. Porque? Simples...pelas digressões milionárias que fazem onde aproveitam a "locura consumidores de todo o que é europeu" desses povos asiáticos, que pagam milhões para ver as estrelas desses clubes jogarem, que pagam dizenas de euros para adquirirem camisolas e outros artigos desses clubes europeus...mas...pergunto eu...são madrilenos o adeptos "desde pequeninos" do manchester, chelsea, milan? Penso que a resposta será NÃO, com toda a lógica! Agora pergunto...e benfiquistas por esses mundo...benfiquistas a sério, haverá? A resposta é sim, basta ir aos PALOP e ver o amor que esses povos tem pelo benfica, amor, respeito, admiração, paixão, fantasia...enfim, todos os sentimentos positivos possíveis! Não é novidade para ninguém isto que eu falei, qualquer adepto do fcp ou scp, honesto, o sabe admitir! BENFICA simboliza dedicação, paixão, glória, "papoilas saltitantes" por esse mundo fora que fizeram sonhar milhões de pessoas em todo o mundo! Para não falar do basquetebol, hoquéi patins e outras modalidades que são bastante apreciadas nos PALOP...
Enfim, apesar de esta fase "menos boa" (dá-me vontade de rir quando oiço comentador e adeptos referirem-se à organização dos ultimos 20 anos do fcp ou ao seu presidente...esses 2 clubes esquecem-se quantos anos estiveram sem ganhar um campeonato ou troféu? e a organização do Benfica quando ganhava tudo em Portugal, na Europa e no Mundo... não se lembram?! Pois...bem sei que o povo português tem memória curta...o que é pena...mas um benfiquista...um verdadeiro benfiquista como eu (não sou "admirador" dos jogadores ou da direcção, sou do Benfica como clube, como instituição, pela nobre águia, por Cosme Damião que fundou este "universo", sou benfiquista pelo Luís Piçarra...), é viver o Benfica com paixão...sabe bruno...(e você sabe)...ser benfiquista...é ser benfiquista...não tenho palavras para descrever, só quem é benfiquista (verdadeiro benfiquista), é que sabe o que isso pode significar...olhar para aquele símbolo, para aquelas camisolas, para a história deste "universo" para o antigo e novo estádio da luz, para a estátua do SENHOR EUSÉBIO...e perceber o que Luís Piçarra queria transmitir quando cantou "Ser benfiquista...", ou seja, um sentimento ÚNICO NO MUNDO que nos faz arrepiar quando vimos aqueles camisolas encarnados por esses estádios, pavilhões,etc etc!
Olhe, mts parabéns pelo seu post e saudações de um benfiquista que foi, é e será ser um verdadeiro benfiquista, para o bem ou par o mal, por BENFICA é "ET PLURIBUS UNUM"


De Mike a 22 de Setembro de 2008 às 14:30
Excelente Bruno!
Pode acrescentar a sua lista uma familia de associados com as quotas em dia em Moscovo! Ja agora fica o apelo para que o Canal Benfica nao se esqueca dos que sofrem longe e gostariam de ter a oportunidade de acompanhar mais de perto a realidade do nosso glorioso.
СПАСИЬО
Mike!


De Bruno Carvalho a 22 de Setembro de 2008 às 18:02
Caro Mike,
Obrigado pelo seu apoio. É fantástico escrever um texto e ver que teve impacto em Moscovo!
СПАСИЬО
Bruno Cravalho


De Tripeiro Vermelho a 22 de Setembro de 2008 às 13:06
Excelente post Bruno, conseguiu tocar-nos na alma, já agora acrescento que um dos momentos que mais me toca no universo Benfica é o voo vibrante da Águia na nossa luz, chamada por um menino, " vitoria anda"...... isto é magico!

O norte é vermelho!


De Bruno Carvalho a 22 de Setembro de 2008 às 18:05
Caro Tripeiro Vermelho,
Obrigado pelas suas palavras. Também gosto muito de ver a águia antes dos jogos. É um espectáculo impressionante que surpreende e deixa estupefactos todos aqueles que o vêem pela primeira vez.
Um abraço
Bruno Carvalho


De Hugo a 22 de Setembro de 2008 às 10:31
Sem querer ofender ninguém, vocês têm alguma noção do ridículo que é auto-intitularem-se o maior clube do mundo?
Quem dera ao Barcelona ser como o Benfica? Só mesmo para rir


De Bruno Carvalho a 22 de Setembro de 2008 às 18:09
Caro Hugo,
Igualmente sem querer ofender, mas é muita ignorância comparar a dimensão do Benfica com a do Barcelona. Fora da Catalunha o que é o Barcelona? É um clube odiado em toda a Espanha e que não diz nada a ninguém por esse mundo fora.
O Barcelona tem dinheiro? Tem. Mas isso faz do Barcelona um emblema comparável ao Benfica? Nem pensar.
Cumprimentos,
Bruno Carvalho


De Vitória do Benfica a 21 de Setembro de 2008 às 22:06
Boa Noite Bruno

Por motivos profissionais lia todos os dias o blog mas não podia escrever uma vez que nos teclados europeus não posso escrever Português.

Chegada a casa a primeira coisa que faço é mandar-te um grande abraço por tudo o que escreveste sobre o nosso clube. Tudo o que dizes é verdade quem anda no estrangeiro e convive com os nossos emigrantes de Espanha à Nova Zelãndia pode entender a abrangência e a verdade do que escreveste.

Obrigado Bruno por amares assim o nosso clube

223 comentários em dois dias é obra

Saudações Benfiquistas


De Bruno Carvalho a 22 de Setembro de 2008 às 04:28
Cara Vitória,
De facto, estranhava a sua ausência. Começava a pensar que nos tinha abandonado!
Fico contente que tenha gostado do meu texto e pedia-lhe o favor que lesse o meu post anterior "Será que Vale a Pena?".
Obrigado e cumprimentos,
Bruno Carvalho


De Benfiquista Benfiquense a 21 de Setembro de 2008 às 18:19
À semelhança das situações históricas e das consequentes condicionantes sócio-políticas que - em inúmeros países - conduziram ao "desejado" aparecimento de certo tipo de Messias, é triste de ver o estado de alma da grande mole benfiquista.

Basta aparecer um "artista" a dizer aquilo que todos querem ouvir, que é logo convidado para Ministro das Finanças ou para Kaiser do Grande Império Glorioso.

Ai Benfica, Benfica...

Assinado: Benfiquista Benfiquense


De Bruno Carvalho a 21 de Setembro de 2008 às 19:59
Caro Benfica Benfiquense,
É bom ver que o texto fez com que decidisse fazer 2 comentários (quem quiser poderá ver o outro mais atrás). Só por isso já teria valido a pena.
No entanto, deve estar enganado. Um Messias é um salvador e neste caso não apontei nenhuma solução para o Benfica (já o fiz em posts anteriores, mas não neste).
Como toda a gente percebeu, a única coisa que fiz foi escrever como é que eu vejo o Benfica e tentar demonstrar o que muita gente dizia, mas se calhar não tinha a certeza se seria verdade. Penso que dei um modesto contributo pra todos dizermos de cabeça erguida que somos Benfica, mesmo num tempo de tão magros resultados.
E já agora que fala em Messias: Jesus Cristo também não agradou a todos, não sou eu que tenho pretensão de o fazer.
Um abraço
Bruno carvalho


De Benfiquista Benfiquense a 21 de Setembro de 2008 às 22:45
Caríssimo Bruno Carvalho,

Nada tenho contra qualquer contributo que vise elevar a moral das hostes benfiquistas, venha esse contributo de onde vier. Mas – como é natural – tenho o direito de valorar esses contributos. E o seu contributo parte de premissas erradas, as quais eu tive oportunidade de “desmascarar” numa primeira resposta.

Seja como for, e dado que acabei agora mesmo de saber que o FCP empatou em Vila do Conde, vamos todos torcer para que o mesmo (ou pior) não nos aconteça amanhã em Paços Ferreira. É importante ganhar balanço neste momemnto, para ver se damos a volta ao SCP e ao Nápoles.

Já agora, sobre a importância “sociológica” da instituição Benfica em Portugal - e sem pretender com isto retirar quaisquer predicados ao seu contributo - deixo-lhe aqui o extracto de uma entrevista que o escritor António Lobo Antunes deu à revista “Visão” em 2004:

“V: Ainda sonha com a guerra?

ALA: [...] Apesar de tudo, penso que guardávamos uma parte sã que nos permitia continuar a funcionar. Os que não conseguiam são aqueles que, agora, aparecem nas consultas. Ao mesmo tempo havia coisas extraordinárias. Quando o Benfica jogava, punhamos os altifalantes virados para a mata e, assim, não havia ataques.

V: Parava a guerra?

ALA: Parava a guerra. Até o MPLA era do Benfica. Era uma sensação ainda mais estranha porque não faz sentido estarmos zangados com pessoas que são do mesmo clube que nós. O Benfica foi, de facto, o melhor protector da guerra. E nada disto acontecia com os jogos do Porto e do Sporting, coisa que aborrecia o capitão e alguns alferes mais bem nascidos. Eu até percebo que se dispare contra um sócio do Porto, mas agora contra um do Benfica?

V: Não vou pôr isso na entrevista…

ALA: Pode pôr. Pode pôr. Faz algum sentido dar um tiro num sócio do Benfica?”

Assinado: Benfiquista Benfiquense


De Bruno Carvalho a 22 de Setembro de 2008 às 04:35
Caro Benfica Benfiquense,
Não quero minimamente entrar em polémicas consigo, uma vez que acho que o meu caro tem todo o direito à sua opinião.
Só gostaria de fazer 2 reparos:
1. Não acho que o senhor tenha "desmascarado" nada no meu texto. Eu não lhe retiro uma vírgula. O Benfica é assim mesmo como eu o descrevo (pelo menos para mim).
2. Quanto ao MPLA, deve estar a referir-se ao texto de um leitor (Manoel Barbosa). Eu gostaria de explicar que os textos dos leitores não reflectem a minha opinião, mas sim a de quem escreve.
Um abraço
Bruno Carvalho


De Benfiquista Benfiquense a 22 de Setembro de 2008 às 12:41
Para mim, o S.L. Benfica também é muito semelhante àquilo que é para si. Mas o Juventus, o Bayern, o Man United, o Boca Juniors, etc são muito mais do aquilo que descreveu. Na sua mais do que LEGÍTIMA intenção de elevar o Glorioso, faltou-lhe algum rigor "científico" na sua explanação sobre a grandeza destes grandes clubes. Assim como lhe terá faltado algum sentido de realidade face a alguma perda de simpatia clubística do SLB junto dos mais jovens, o que é naturalmente explicável pelos anos e anos sem ganhar nada.

Assinado: Benfiquista Benfiquense


Comentar post

bloggers
António de Souza-Cardoso (perfil)
Bruno Carvalho (perfil)
Eduardo Sá (perfil)
José Esteves de Aguiar (perfil)
Miguel Álvares Ribeiro (perfil)
Paulo Ferreira (perfil)
Pedro Fonseca (perfil)
Raul Lopes (perfil)
visitantes em linha
posts recentes

Temos Benfica!

Venha o Porto!

As grandes noites europei...

Estamos outra vez de Volt...

Não podemos ficar a "boia...

mais comentados
429 comentários
295 comentários
280 comentários
253 comentários
últ. comentários
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
MiguelAgradeço a participação, sempre oportuna e c...
Meu Amigo Está engana. fomos nós, sem apoio ou ace...
arquivos

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds