Segunda-feira, 11 de Abril de 2011

Pedro Fonseca em 11/04/11 | comentar | 4 comentários

A clarividência de Salvio

 

Salvio é mais uma “invenção” de Jorge Jesus. Há poucos meses atrás, não se sentava sequer no banco do Atlético de Madrid – mais uma prova da incompetência de Quique Flores. Hoje, é chamado à selecção da Argentina, uma das melhores do Mundo, e é titular indiscutível do Benfica.
Em poucos meses, Salvio – ou Toto – viu a sua carreira transfigurar-se. Ele próprio se transfigurou-se como jogador de alto nível. Na passada 5ª feira, contra o PSV, fez gato-sapato da defesa holandesa, carimbou 2 golos, abriu as portas da meia-final e colocou os holofotes da Europa virados para ele.
O A. Madrid abriu a boca e agora já quer 15 milhões para ele ficar na Luz. Mas do Dragão o apetite também merece atenção. Redobrada. É que ainda ninguém se esqueceu do que aconteceu com Christian Rodriguez.
Porém, quando muitos já o viam de camisola listada, Salvio, o próprio, resolveu colocar um ponto final naquela que poderia ser uma transferência-choque para o Benfica. O internacional argentino, em declarações a uma rádio do seu país(ler aqui), deu a sua opinião sobre o “apagão” na Luz, após o jogo com o fc porto.
As suas clarividentes palavras serviram sobretudo para atestar duas coisas: Salvio tem tanto de bom jogador como de pessoa inteligente; o Dragão já era… Obrigado Toto!



Terça-feira, 5 de Abril de 2011

Miguel Álvares Ribeiro em 05/04/11 | comentar | 21 comentários

Infelizmente o Benfica não foi capaz de se superiorizar ao Porto no jogo do passado Domingo e fraquejou novamente num momento importante.

 

Mais uma vez Roberto fica ligado pela negativa a este desaire, pois aquele inacreditável primeiro golo contribuiu decisivamente para que o Porto pudesse gerir o jogo da forma que melhor lhe convinha.

 

Também mais uma vez a equipa do Benfica mostrou que ainda tem dificuldade para se afirmar em momentos de maior tensão, ao contrário do nosso rival que, sem ter feito exibições excepcionais, conseguiu gerir os jogos e o campeonato de forma segura, aguentando sem dificuldades a “pressão”.

 

Mas, pior ainda que o mau resultado desportivo e a entrega em nossa casa do campeonato ao Porto, foi o que sucedeu no final do jogo, cortando a iluminação e ligando o sistema de rega do relvado para perturbar a comemoração do adversário, que demonstram uma falta de desportivismo e de educação que são inaceitáveis em qualquer instituição e, em especial, numa com a grandeza e os pergaminhos do Sport Lisboa e Benfica.

 

Quem age assim não tem qualquer legitimidade para assumir a luta pelo "fair-play" no futebol português. Gostaria de acreditar que a Direcção do Benfica foi alheia a estes acontecimentos, mas então como se justifica que não tenha condenado imediata e veementemente o sucedido? Que não tenha pedido desculpa ao adversário pelo sucedido? E que não tenha ordenado ainda uma investigação para apurar responsabilidades?

 

No meu post anterior disse, a propósito das desagradáveis peripécias que antecederam o jogo, que “esteve mal a Direcção do Benfica neste assunto”. O que se passou depois do jogo é muito pior e a Direcção do Benfica não só esteve muitíssimo mal como desrespeitou grosseiramente a grandeza do nosso clube.

 

Não me revejo neste tipo de comportamentos e penso que uma enorme maioria dos adeptos do Benfica também não. O que aconteceu é demasiado grave e não pode deixar de ter consequências.




Segunda-feira, 4 de Abril de 2011

Pedro Fonseca em 04/04/11 | comentar | 6 comentários

Objectivo: Taças!

 

Faltavam cerca de 15 minutos para acabar o clássico. As imagens da televisão focam então a tribuna presidencial da Luz. Na primeira fila, um homem, entre o presidente da AG do Benfica e o seleccionador nacional, estava curvado para a frente, como quem deseja entrar no relvado para ajudar os nossos rapazes.
Luís Filipe Vieira tem no rosto um mar de preocupações. As imagens não enganam. O líder da Luz sabe bem o que está em causa. Aliás, ninguém na Luz sabe tão bem quanto ele o que está em causa.
Desde que, em 2003 assumiu a liderança do Sport Lisboa e Benfica – já lá vão 8 anos, Vieira não tem parado um minuto. Sabemos o que fez nestes anos – a obra está aí visível e fantástica. Passemos à frente.
Há a questão desportiva? Pois há. Mas vamos aos factos: Pinto da Costa, nos seus primeiros 8 anos de liderança portista ganhou 3 campeonatos; Vieira ganhou 2. E Pinto da Costa não teve de se preocupar com mais nada.
É certo que o Benfica não pode ganhar 1 campeonato de 5 em 5 anos. Vieira sabe disso. Sabe-o tão bem que no início da época afirmou: “0s campeões não ganham só uma vez”. Vieira falhou com Fernando Santos? É verdade. Pinto da Costa falhou com Del Neri, Fernandez, Couceiro, Octávio Machado, Quinito – que me lembre…
Agora que o campeonato se foi, há que começar a preparar já a nova época, embora sabendo que esta ainda tem muito para ganhar. O Presidente do Benfica tem que reunir um núcleo duro de 3 / 4 pessoas para estudar o ataque ao mercado – vendas e compras -; dispensas do plantel; enquadramento de 2 / 3 juniores; estágio de pré-época.
Numa política acertada, tem vindo a ser renovados os contratos com alguns jogadores, mas é essencial que o plantel esteja fechado até à primeira quinzena de Julho. Antes, ainda, Luís Filipe Vieira podia pensar numa jogada “política”: renovar com Jorge Jesus.
O Presidente do Benfica sabe bem que tudo o que fez só será reconhecido por muitos se for acompanhado por um desempenho mais vitorioso da equipa de futebol. É injusto? No caso de Luís Filipe Vieira é tremendamente injusto.
Mas o Presidente do Benfica, que tem fortes hipóteses de alcançar um lugar ímpar na galeria de presidentes do Glorioso, não ignora que tem de, pelo menos, alcançar uma mão cheia de campeonatos nos próximos 8 anos.
É que se o Benfica ainda precisa para mais uma década de Luís Filipe Vieira, este precisa de campeonatos como de pão para a boca. Para que não se diga apenas que foi o homem de reconstruiu o Benfica, Vieira sabe que não pode nem deve falhar esse objectivo.



Domingo, 3 de Abril de 2011

Miguel Álvares Ribeiro em 03/04/11 | comentar | 2 comentários

  

 

Anteontem vi, na capa d’O Jogo, a notícia que dava conta da proibição da entrada dos adeptos do Porto no nosso Estádio com quaisquer adereços como bandeiras e cachecóis do seu clube.

 

Achei evidente que só podia ser uma brincadeira de 1 de Abril, o dia das mentiras. Fiquei completamente estupefacto quando me garantiram que era verdade e que a Direcção do Benfica até teria emitido um comunicado a justificar essa atitude.

 

E que justificação foi essa? O princípio da reciprocidade. E ainda que “Esta decisão foi devidamente ponderada e é irreversível, porque em questões morais – e dentro da legalidade – nunca se deve vacilar.”

 

Das duas uma: ou acham que é correcto (mais até, uma questão moral) impedir os adeptos de qualquer clube de usar os adereços que os identificam com o clube e dão colorido ao espectáculo, o que considero totalmente inaceitável, e então não deviam criticar os outros que o fazem, ou então não devem reciprocar fazendo aquilo com que não concordam e, pior ainda, invocando questões morais!

 

Só mesmo o último parágrafo do comunicado é digno do grandioso clube que é o nosso Benfica: “O futebol português dispensa a violência e a intolerância, mas também prescinde de “virgens ofendidas”.” Mas, infelizmente, atitudes como estas não ajudam a dispensar a violência e a intolerância. E não é por os outros fazerem igual ou pior que as nossas atitudes ficam justificadas! Esteve mal a Direcção do Benfica neste assunto.

 

Dentro do campo é que quero ver o Benfica responder à altura e mostrar como somos realmente muito melhores que o Porto.

 

Força Benfica!

 




bloggers
António de Souza-Cardoso (perfil)
Bruno Carvalho (perfil)
Eduardo Sá (perfil)
José Esteves de Aguiar (perfil)
Miguel Álvares Ribeiro (perfil)
Paulo Ferreira (perfil)
Pedro Fonseca (perfil)
Raul Lopes (perfil)
visitantes em linha
posts recentes

Temos Benfica!

Venha o Porto!

As grandes noites europei...

Estamos outra vez de Volt...

Não podemos ficar a "boia...

mais comentados
429 comentários
295 comentários
280 comentários
253 comentários
últ. comentários
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
MiguelAgradeço a participação, sempre oportuna e c...
Meu Amigo Está engana. fomos nós, sem apoio ou ace...
arquivos

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds