Segunda-feira, 21 de Março de 2011

Pedro Fonseca em 21/03/11 | comentar

Bagão Félix para Presidente da FPF

 

A recente qualificação de 3 equipas portuguesas para os quartos-de-final da Liga Europa, levanta várias reflexões/perguntas. A primeira é: onde poderia o futebol português chegar se tivesse dirigentes e árbitros à altura?
A resposta é impossível; a reflexão necessária. Olho para o quadro dos quartos-de-final da Liga dos Campeões e vejo Tottenham, Schalke 04, Shaktar Donetz. A equipa inglesa é inferior ao Benfica ou ao SC Braga? A resposta tem de ser peremptória: NÃO É.
O Schalke 04, que em nada foi superior ao Benfica (antes pelo contrário), na fase de grupos, está, na liga alemã, apenas 3 pontos à frente do Estugarda, que foi cilindrado por 4-1 na anterior eliminatória da Liga Europa.
O Shaktar, que apanhou o Braga desprevenido no primeiro jogo, mas no segundo, em Donetz, já sentiu a capacidade da equipa portuguesa, teria hoje poucas hipóteses de levar de vencida tanto bracarenses como o Benfica.
Onde é que eu quero chegar? Simples: Jorge Jesus não estava a delirar quando apontou a fasquia alta em matéria de Liga dos Campeões. Hoje, qualquer das equipas da Liga Europa caberia no quadro dos “quartos” da Liga dos Campeões.
O nosso problema tem nome e tem rostos: dirigentes e árbitros. Como é possível manter uma novela durante meses para a actualização dos estatutos da Federação, mesmo com o cutelo de sanções graves por parte da UEFA e da FIFA para a selecção e as equipas portuguesas nas provas europeias?
Resposta: irresponsabilidade e impunidade. O Governo, através do secretário de Estado Laurentino Dias, assobiou para o ar, e só não houve consequências mais negativas porque depois de um enxovalhamento da imagem do futebol português no Mundo, foi possível, à última da hora, colocar bom senso nalgumas cabeças (e mesmo assim ainda há coisas por decidir).
Quanto aos árbitros, a reflexão é fácil e documentada: eles são mais responsáveis que vítimas. São muito responsáveis por travar o crescimento da liga portuguesa e também por as equipas portuguesas, às vezes, não irem tão seguras para os desafios europeus.
Os árbitros, a esmagadora maioria medíocre, sobrevive à custa da suspeição, da intriga, do bas-fond, instalado no futebol português. É preciso começar a mudar o futebol português. Para que as equipas portuguesas não apareçam nos quartos-de-final da Liga Europa, mas nos quartos-de-final da Liga dos Campeões – e com frequência.
Temos agora um momento único e decisivo: as eleições para a Federação Portuguesa de Futebol. É preciso remover Gilberto Madaíl. E o Benfica tem de apostar num nome acima de qualquer suspeita; um homem que adora futebol mas esteve sempre longe e fora do “sistema futeboleiro”, inquinado e trapaceiro.
Eu sei que Fernando Seara, competente e idóneo, já se disponibilizou, mas penso que António Bagão Félix é a personalidade melhor colocada para dar ao futebol português a imagem de credibilidade de que ele tanto necessita.



5 comentários:
De Jose Neves a 30 de Março de 2011 às 12:36
Esse senhor fala muito do Benfica mas nunca está, nem esteve, disponível para dar a cara pelo Glorioso.


De tp a 24 de Março de 2011 às 19:33
Este post representa bem bem o delírio benfiquista em todo o seu esplendor.

O benfica, mais uma vez, arrastou-se na Champions. Aí, a ladainha habitual dos árbitros já não pode ser invocada. Mas o Baptista, o homem que só sabe falar das arbitragens " escaundalosas ", como sempre assina um post totalmente irrelevante, inconsequente ( pior do que este só aquele que insinuava que o Maritimo tentava tramar o benfica ) e que, basicamente, tenta mostra que o habitual patético desempenho benfiquista na champions é culpa dos árbitros portugueses.Uau!

Oh Baptista, vai lá falar dos "escaundalos" na arbitragem mas não tentes escrever, os resultados são o que se vê.


De OBSERVADOR ATENTO a 28 de Março de 2011 às 16:09
Caro tp ,
Este fp que assina tp , por engano, vai ficar, de castigo, a contar os campeonatos e taças de Portugal na posição de cócoras para perceber por uma vez de quem é o delírio.
Se for morcom " fica a olhar para o Douro e no final bebe um vinho do porto com 32 anos. Caso meta os pés pelas mãos vamos convidá-lo visitar a sala de troféus e contar as taças de Portugal. No final, caso se porte bem, é convidado a ver 30 minutos de Benfica TV e talvez o ajudemos, através da Fundação benfica , no abandono escolar. Brincar com o Glorioso é brincar com o fogo.
Saudações desportivas caro tp , perdão fp , só falta o c.


De OBSERVADOR ATENTO a 21 de Março de 2011 às 19:46
Caro Pedro,
Muito bem. Bagão Félix seria uma excelente solução para a FPF . Não sei se o mesmo estará interessado, e, até, se o sistema tolera personagens com este perfil. Mas, antes disso, é preciso sair do último imbróglio criado pelas associações rebeldes que não aprovaram os artigos essenciais no novo estatuto, ou seja a representatividade, o método de Hondt , a eleição das comissões de arbitragem e disciplina. Esta foi a última armadilha que vai adiar por mais uns meses a adequação dos estatutos, e que Laurentino Dias, ou quem lhe suceda, tem que rejeitar a actual situação, porque seria ficar o essencial igual, quando legislador quis alterar a relação de forças com as associações. Este sistema é um osso duro de roer, utilizará a "terra queimada" sejam quais forem as consequências que daí advenham. Vamos ver como reage Gilberto Madaíl , mas não me espantaria que nos bastidores seja negociada a composição das Comissões de arbitragem e disciplina em troca da aprovação dos artigos agora rejeitados. Eu, até hoje, nunca vi vergonha maior, isto é totalmente surrealista e coloca o futebol no grau zero da responsabilidade. Tem Laurentino a palavra!!!!. Depois vamos convencer os candidatos sérios e interessados em prestigiar o futebol português que merece melhores dirigentes.
Saudações benfiquistas


De RuiFirmino a 21 de Março de 2011 às 14:49
o Bagão Felix tem todas as condições para ocupar o lugar

já o seara é uma puta barata, vende-se a todas e nao tem nível nenhum


Comentar post

bloggers
António de Souza-Cardoso (perfil)
Bruno Carvalho (perfil)
Eduardo Sá (perfil)
José Esteves de Aguiar (perfil)
Miguel Álvares Ribeiro (perfil)
Paulo Ferreira (perfil)
Pedro Fonseca (perfil)
Raul Lopes (perfil)
visitantes em linha
posts recentes

Temos Benfica!

Venha o Porto!

As grandes noites europei...

Estamos outra vez de Volt...

Não podemos ficar a "boia...

mais comentados
429 comentários
295 comentários
280 comentários
253 comentários
últ. comentários
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
MiguelAgradeço a participação, sempre oportuna e c...
Meu Amigo Está engana. fomos nós, sem apoio ou ace...
arquivos

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds