Sábado, 6 de Março de 2010

Miguel Álvares Ribeiro em 06/03/10 | comentar

As próximas semanas são absolutamente decisivas para o sucesso do Benfica nas provas em que ainda está comprometido. O calendário é extremamente denso, como jogos a 7/11/14/18/21 e 28, respectivamente contra P. Ferreira (casa), Marselha (casa), Nacional (fora), Marselha (fora), Porto (Algarve, final da Taça da Liga) e Braga (casa).

 

Tal como Jesus também sou da opinião que se deve apontar como objectivo prioritário a conquista do título, relegando para segundo plano a liga Europa e a Taça da Liga. Depois dos resultados de hoje o caminho ficou um pouco mais fácil; o empate conquistado pelo Porto nos descontos frente ao Olhanense resumiu definitivamente a questão do título à luta entre Benfica e Braga e o empate do Braga em Setúbal pode dar-nos uma avanço de 3 pontos se, como espero, vencermos o Paços de Ferreira amanhã.

 

Mas, depois de um período em que a equipa demonstrou algum cansaço, voltámos às exibições de gala, pelo que é normal que a nossa ambição vá crescendo. A Liga Europa, não sendo a Champions League é importante na projecção europeia do Benfica e uma óptima montra para a valorização dos jogadores. Por outro lado, ganhar ao Porto e ser o primeiro clube a repetir a vitória na Taça da Liga é claramente uma cereja interessantíssima para colocar em cima do bolo do título.

 

Por isso, vou compreender perfeitamente que Jesus poupe nas outras competições alguns jogadores mais cansados e fundamentais na campanha do título. Mas vou também confiar que os substitutos vão justificar as hipóteses que lhes forem dadas, realizando também nesses jogos o Benfica grandes exibições e resultados.

 

Se conseguir vencer os desafios de Março, o Benfica pode ambicionar uma época notável com todos os títulos que ainda disputa.

 

Força Benfica!

 

P.S. - O Novo Benfica está de parabéns pois atingiu esta semana os 600.000 visitantes, contando com mais de 21.000 comentários e quase 500 posts.

 

 




18 comentários:
De Francisco Andrade a 20 de Março de 2010 às 17:42
Na verdade, o glorioso jogo do Stade Velodrome foi apenas o primeiro de um ciclo verdadeiramente infernal que espera a equipe do Benfica. Mas temos que reconhecer que a equipe técnica tem vindo a fazer uma rigorosa e competente gestão do plantel, no sentido de conseguir ir o mais longe possível em todas as competições.
O calendário das próximas semanas é terrível:FC Porto(Final da Taça da Liga), Braga (casa), Liverpool (casa), Naval (fora), Liverpool (fora) e Sporting (casa)...uff..!
Atento o calendário, e se tivessemos que escolher algum destes jogos para fazer descansar jogadores, eu escolheria o jogo com a Naval ! O que permitiria ao Benfica entrar na máxima força em Anfield Road !
Eu sou um daqueles benfiquistas que não exige a conquista do campeonato nacional (embora esse título, a acontecer - espero bem que sim -- me vá encher de alegria). Penso que o fundamental para a saúde financeira e prestígio do Benfica é ir conseguindo, ano a ano, a entrada na Champions League. Esse objectivo está, este ano, muito próximo de ser conseguido e uma vitória frente ao Sp. Braga colocar-nos-à muito perto do objectivo. Já na frente europeia, o sorteio se revelou bem ingrato, calhando-nos em sorte aquele que será talvez o mais temível dos adversários possíveis. Mas, por outro lado, torna-se evidente que, depois das goleadas ao Everton e do afastamento do Olympique Marseille, uma vitória na eliminatória com o Liverpool faria subir o prestígio do Benfica a patamares bem elevados. Perdoem-me aqueles que querem apenas (e já não é pouco...) ver o Benfica campeão nacional. Mas eu, se tivesse que fazer uma opção, sacrificava o jogo com a Naval e concentrava todas as forças da equipe nessa eliminatória dificílima ante os Reds de Anfield Road.
De todo o modo, o segundo jogo da eliminatória com o Marselha confirmou-nos que a equipe técnica está a gerir muito bem os recursos de que dispõe no sentido de manter viva, em todas as competições, a enorme chama benfiquista ! Vamos em frente e ...
Força Benfica !


De Miguel Álvares Ribeiro a 20 de Março de 2010 às 17:52
Caro Francisco Andrade

Penso que este comentário se refere mais directamente ao post de hoje que a este mas, de facto, eles estão relacionados.

Mais uma vez lhe agradeço o apaixonado comentário e lhe digo que concordo quase totalmente consigo, excepto no que diz respeito à prioridade na conquista da Super Liga. Realmente será fundamental o Benfica conquistar com regularidade o acesso à Champions League, mas, particularmente neste período de jejum de títulos na Liga, a conquista da Super Liga é para mim o principal objectivo da época.

Um abraço


De Francisco Andrade a 12 de Março de 2010 às 00:35
Todos estávamos cientes da valia do adversário. Todos sabíamos que este era o desafio mais difícil que se nos deparava desde o início da época.
Devo que confessar que Jesus me fez voltar a vibrar com o Benfica. Mas devo também confessar, sem pretender ser herege, que este Jesus ainda não me convenceu. O Benfica nunca conseguiu, hoje, tomar conta do meio campo. É certo que houve alguma infelicidade à mistura. O remate do Ramires à barra, já bem perto do final, merecia melhor sorte. Mas será que podemos dizer que o Benfica fez um grande jogo e apenas teve pouca sorte? Parece-me que não.
Perdoem-me os indefectíveis de Jesus, mas começo até a sentir saudades de Koeman e das grandes exibições (e melhores resultados) conseguidas ante os poderosíssimos Manchester United e Liverpool. Com um grupo de jogadores talvez de menor valia. Mas com uma garra, organização e controlo de jogo que hoje nos faltou...
Será que é assim tão importante estar em primeiro lugar no Campeonato Nacional? Eu trocava tudo por uma final europeia...
Esperemos que melhores dias venham e que o céu volte a ficar bem vermelho !


De Miguel Álvares Ribeiro a 12 de Março de 2010 às 09:32
Caro Francisco

Concordo em grande parte consigo, na medida em que acho que o Benfica não foi muito feliz ontem, mas o resultado acaba por se aceitar já que o Marselha dominou grande parte do encontro.

Notou-se em muitos jogadores alguma falta de tranquilidade, que virá com o hábito de jogar mais frequentemente com equipas desta valia.

Quanto à "fé" em Jesus e à conquista do Campeonato Nacional é que já não concordo consigo. Jesus trouxe uma organização e confiança absolutamente fundamentais para o sucesso do Benfica, que passa a curto prazo por ser o melhor a nível nacional. As grandes noites europeias serão o próximo objectivo.

Um abraço


De Francisco Andrade a 18 de Março de 2010 às 23:42
Felizmente que hoje tenho que dar a mão à palmatória, pois acabámos de assistir a uma grande exibição, de categoria e de raça, do nosso Benfica! E hoje tivemos um Treinador que foi exímio na leitura do jogo e nas substituições que fez ! E que bom que é ter um jogador como Pablo Aimar no banco de suplentes ! E a exibição de hoje foi bem mais conseguida do que a da primeira mão, tendo o Benfica conseguido hoje aquele controlo do jogo que lhe havia faltado em Lisboa. Está de parabéns a equipe, pois conseguiu eliminar um adversário de respeito. Está de parabéns Jorge Jesus que mostrou como é possível dar a volta a um jogo e a uma eliminatória extremamente dificeís, contra adversário de enorme valia e em terreno adverso. Estamos de parabéns todos nós, pois voltamos a ter oportunidade de ver o Benfica numa fase adiantada da competição europeia. E como sabe bem ver o nosso Glorioso, para já, entre os 8 melhores da competição...


De Miguel Álvares Ribeiro a 20 de Março de 2010 às 16:44
Caro Francisco Andrade

Hoje sim estou completamente de acordo consigo.

Que exibição, que categoria, que raça do nosso Benfica!

A exibição em Marselha foi bem superior à que fizemos na Luz e Jesus está de parabéns!

Um abraço


De José a 9 de Março de 2010 às 19:35
O Benfica deve entrar em campo sempre com humildade e respeitando todos os adversários, mas com a certeza de que se der o máximo pode vencer qualquer adversário.

Excesso de confiança tiveram os nossos adversários principais, numa primeira fase desvalorizando o bom arranque de epoca do Benfica, agora vendo que o Benfica está realmente a praticar um grande futebol e sem saber como o contradiar em campo querem retirar o merito duma ainda hipotética mas cada vez mais real vitória no campeonato recorrendo a argumentos extra-futebol. Caiu-lhes completamente a mascara e a decência...

Cumprimentos


De Miguel Álvares Ribeiro a 9 de Março de 2010 às 19:44
Caro José

Obrigado pelo seu contributo, com o qual concordo totalmente.
Além da humildade e respeito pelo adversário é importante saber vencer e saber perder!

Um abraço


De Francisco Andrade a 8 de Março de 2010 às 09:54
« Tal como Jesus também sou da opinião que se deve apontar como objectivo prioritário a conquista do título, relegando para segundo plano a liga Europa e a Taça da Liga »
Em caso de conflito entre duas ambições (vencer o campeonato nacional, ou outra competição nacional, e chegar a uma final europeia) qual deve prevalecer? Como benfiquista, tenho muitas dúvidas. Está bem presente na minha memória o modo inglório como há poucos anos (2006-2007) o Glorioso foi eliminado nos quartos de final da Taça UEFA ante o acessível Espanhol de Barcelona (que até chegou à final, nesse ano), porque o treinador da altura entendeu, no dia do jogo em Barcelona, poupar jogadores para um jogo do campeonato contra o FC Porto. E assim, nesse ano, perdemos o campeonato e não passamos dos quartos de final da Taça Uefa.
Parece-me que há aqui dois aspectos de particular importância: por um lado, é evidente que assegurar a entrada do Benfica na Champions League tem que ser o objectivo primordial do Glorioso em cada ano. E esse objectivo parece estar quase assegurado. Mas, para além disso, é muito importante para o prestígio internacional (e até saúde financeira) do clube que a sua equipe principal de futebol possa discutir o acesso às meias finais e finais de competições europeias. E, este ano, esse sonho até parece possível de ser concretizado. Neste momento, com o FC Porto e Sporting já bem distanciados, parece-me que o Benfica deveria ser ousado e ambicionar chegar longe na Europa. E se estamos todos com fome de campeonatos, na verdade muitos de nós estarão verdadeiramente sedentos de finais europeias.
Mais do que os campeonatos nacionais conquistados, é o fantástico palmarés europeu que assegura o prestígio do Benfica. E esse é um património que há que consolidar.
Parece-me, no entanto, que a questão este ano até nem se prende tanto com o Campeonato, mas sim com o facto de a 2ª mão dos oitavos de final da Liga Europa aparecer 3 dias antes da Final da Carlsberg Cup, contra o FC Porto... Nenhum de nós gosta de perder, muito menos com o FC Porto. Mas eu também não gostaria de voltar a ver o Benfica eliminado de uma competição europeia....por o treinador resolver poupar jogadores para as competições internas. E estou certo de que a vitória numa Taça da Liga não é, nem de perto nem de longe, tão prestigiante como a presença numa meia final da Liga Europa.
Deixo este comentário à reflexão do universo benfiquista


De Miguel Álvares Ribeiro a 8 de Março de 2010 às 12:30
Caro Francisco

Concordo consigo em quase tudo o que diz, mas não deixo de achar que o objectivo principal deve ser a conquista do Campeonato. É evidente que todos queremos ganhar sempre mas, com a acumulação de jogos que teremos, é preciso fazer opções.

Um abraço


De Bruno Lourenço a 8 de Março de 2010 às 09:33
Eu já nem estou muito preocupado com o Braga porque tenho a certeza que eles vão ter de esperar pelos patrões e só vão ganhar quando os tripas ganharem. Realmente só não ve quem não quer, os fecepe manda no braga e não pode ficar fora da CL de maneira nenhuma porque se arriscam a um tombo que tão cedo não se levantam.


De Miguel Álvares Ribeiro a 8 de Março de 2010 às 12:36
Caro Bruno

Não posso concordar consigo. Com o Porto é que eu já não estou preocupado; e nem é só por já estarem a 11 pontos, mas pela falta de qualidade do futebol que apresentam. O Braga está só a 3 pontos e tem jogado muito melhor, com a excepção do jogo no dragão.

Um abraço


De José a 8 de Março de 2010 às 09:01
O Benfica está a fazer uma grande epoca e como há muitos anos não se via o balneário do Benfica hoje respira saude vemos que existe uma enorme união e solidariedade entre todos os jogadores (mesmo os jogadores menos utilizados não vêm há praça pública (como era costume no passado) fazer "queixinhas" em suma o Benfica está em paz absoluta e aqui Rui Costa tambem merece receber os louros dum optimo trabalho realizado porque os jogos tambem começam a ganhar-se no balneário.


De Miguel Álvares Ribeiro a 8 de Março de 2010 às 12:33
Caro José

Concordo totalmente consigo. Um bom balneário é o primeiro passo para as vitórias e Rui Costa e Jesus são os principais responsáveis pela sua qualidade.

Um abraço


De Bom de bola a 7 de Março de 2010 às 23:13
Caro Miguel

Março vai ser realmente um mês muito preenchido.
A primeira final está ganha, venha agora o Marselha!

Cumprimentos


De Miguel Álvares Ribeiro a 7 de Março de 2010 às 23:26
Caro Bom de bola

Obrigado pela participação. Como diz, a primeira final está ganha e, digo eu, com brilhantismo; mais uma excelente exibição e uma vitória convincente, mesmo poupando 2 jogadores tão importantes como Aimar e Ramires.

Venha o Marselha!

Um abraço


De António a 7 de Março de 2010 às 01:30
Realmente, se acontecer a vitória sobre o Passos, com o apoio massificador dos espectadores, a corrente de optimismo e confiança em redor da equipa, daremos um passo significativo na afirmação de superioridade sobre o mais directo dos rivais (Braga), psicologicamente também ficaremos mais confortaveis..., mas existe sempre alguma incerteza ou ansiedade, em cada jogo, enquanto não conseguimos atingir a glória plena da conquista do título.

São 9 finais, já só basta ganhar 7, se uma delas for contra o Braga, por mais de 2 golos, mas as conjenturas, os prováveis cenários, só tem razão de ser, se houver entrega em cada jogo, procurando cada vitória...

A ansiedade é grande, ambicionamos gritar, deitar cá para fora uma sensação de liberdade e de euforia recalcada ao longo de muitos anos, há 5 anos, soube a pouco, a lei seca tem imperado, queremo-nos sentir outra vez grandes e felizes, exaltar de emoção...

Mas a felicidade só se conquista em cada passo, seguro e equilibrado, em cada momento de alienação e de superação, em cada jogo de esforço e capacidade de sofrimento, no proveito alcançado em cada partida...

Depois nunca queremos perder, afinal também já demos provas que podemos ir alternando jogadores, o Javi vai para o segundo jogo de fora, o Ramires não jogou contra o Hertha, o Aimar não jogou no último jogo, o Airton mostrou ser um bom jogador, mas vamos com calma, sem euforias demasiadas, sem excesso de confiança, antes com afinco e determinação... continuar com entusiasmo e atitude procurando ganhar cada batalha até à grande batalha final...

VIVA O BENFICA!

bem-me-quer-benfica.blogspot.com/


De Miguel Álvares Ribeiro a 7 de Março de 2010 às 03:59
Caro António

Obrigado pelo seu comentário.

Estamos a jogar muito bem e com confiança mas, como muito bem diz "vamos com calma, sem euforias demasiadas, sem excesso de confiança, antes com afinco e determinação... continuar com entusiasmo e atitude procurando ganhar cada batalha até à grande batalha final..."

Um abraço




Comentar post

bloggers
António de Souza-Cardoso (perfil)
Bruno Carvalho (perfil)
Eduardo Sá (perfil)
José Esteves de Aguiar (perfil)
Miguel Álvares Ribeiro (perfil)
Paulo Ferreira (perfil)
Pedro Fonseca (perfil)
Raul Lopes (perfil)
visitantes em linha
posts recentes

Temos Benfica!

Venha o Porto!

As grandes noites europei...

Estamos outra vez de Volt...

Não podemos ficar a "boia...

mais comentados
429 comentários
295 comentários
280 comentários
253 comentários
últ. comentários
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
MiguelAgradeço a participação, sempre oportuna e c...
Meu Amigo Está engana. fomos nós, sem apoio ou ace...
arquivos

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds