Sábado, 7 de Novembro de 2009

Miguel Álvares Ribeiro em 07/11/09 | comentar

Depois do difícil jogo em Braga, novo jogo importante numa sempre difícil deslocação a Liverpool para defrontar o Everton em casa. Grande resposta dos jogadores e equipa técnica do Benfica que, depois de um resultado negativo, foram capazes de reagir e proporcionar um excelente espectáculo de futebol, com mais uma merecida vitória.

 

Esta vitória leva-nos ao comando do grupo I, muito importante por evitar o confronto com os vencedores dos outros grupos e com os 3º classificados nos grupos da Champions League, e por o segundo jogo da eliminatória seguinte ser jogado em casa.

 

Muito importante também pela autoconfiança que naturalmente acarreta e por permitir alguma tranquilidade na gestão do plantel para os jogos que faltam, numa altura em que também se avizinham importantes confrontos para a Superliga.

 

Este jogo voltou a mostrar que, num plantel de grande qualidade como o que o Benfica tem actualmente, é justo salientar a qualidade dos principais reforços adquiridos.

 

 

Saviola era já bem conhecido, apesar de alguma desconfiança que muitos manifestaram pelas capacidades e motivação que ainda teria; tem demonstrado ser um jogador fundamental na frente do ataque, pela enorme capacidade técnica, pela extraordinária mobilidade e oportunidade (apesar da relativamente baixa estatura já marcou vários golos de cabeça) e pelos espaços que abre para as entradas dos outros atacantes.

 

De modos diferentes mas, paradoxalmente, com muitas semelhanças, Javi Garcia e Ramires são também duas extraordinárias aquisições para o nosso plantel; são dois jogadores com uma enorme cultura táctica e com uma capacidade de leitura do jogo e ocupação dos espaços determinante em termos defensivos. Mais exuberante Ramires, até pela posição mais avançada que ocupa e pela maior liberdade de movimentos, com maior visibilidade pelo à-vontade com que integra as manobras ofensivas, mas Javi Garcia não é menos determinante, sobretudo pela segurança que transmite e pela liberdade de movimentos que os médios de carácter mais ofensivo podem ter com as “costas protegidas”.

 

 

De facto, se é verdade que a imagem de marca deste Benfica é o ataque demolidor, tal só é possível pela enorme capacidade defensiva que também demonstra, na qual estes dois jogadores são fundamentais. Espero, por isso, que a lesão de Ramires não o impeça de retomar brevemente o seu lugar na equipa.

 

 

 

 

Termino com uma nota sobre Paulo Bento, até ontem treinador do Sporting. Nunca o achei um grande treinador, em termos estritamente técnicos e tácticos, mas ontem deu uma enorme lição de integridade e dedicação ao clube que servia. Não há muitos assim, capazes de mostrar um grande desprendimento material e pôr os interesses da instituição que servem à frente dos seus; só por isso já merece o meu aplauso, pois um treinador é, em primeiro lugar, um condutor de homens e deve ser um exemplo. Paulo Bento deu um exemplo que não é comum ver neste mundo do futebol. Dou-lhe os meus parabéns e desejo-lhe o maior sucesso na sua carreira.

 




3 comentários:
De Arquivo Vivo a 8 de Novembro de 2009 às 11:19
Meu Caro MAR

Alguém tem dúvidas de que, em Braga, se o Benfica
não tem sido cobarde e miseravelmente roubado no golo limpo que marcou a "chapa" teria sido a habitual?

Penso que nem eles, daí os actos terroristas que se seguiram, não fosse o diabo tecê-las.

Sem qualquer tipo de insinuação, antes de constatação, a equipa do Braga que, ontem, vi em Guimarães, pareceu-me "ressacada".

Terá sido impressão minha?


De vermelhovzky a 8 de Novembro de 2009 às 11:06
Mesmo ficando em 1º o BEnfica pode vir a jogar contra um dos 3ºs classificados da Champions.

"The 12 UEFA Europa League group-winners and the four best third ranked teams in the UEFA Champions League group stage are drawn against the 12 UEFA Europa League group runners-up and the remaining
third-ranked teams in the UEFA Champions League group stage."

Alinea 7.08 do artigo 7 do Regulamento da Competição

http://www.uefa.com/MultimediaFiles/Download/Regulations/competitions/UEFACup/84/52/89/845289_DOWNLOAD.pdf


De Miguel Álvares Ribeiro a 8 de Novembro de 2009 às 15:43
Caro vermelhovzky

Tem toda a razão, apenas se evitam os melhores 3º classificados da Champions League. Obrigado pela correcção.

Um abraço


Comentar post

bloggers
António de Souza-Cardoso (perfil)
Bruno Carvalho (perfil)
Eduardo Sá (perfil)
José Esteves de Aguiar (perfil)
Miguel Álvares Ribeiro (perfil)
Paulo Ferreira (perfil)
Pedro Fonseca (perfil)
Raul Lopes (perfil)
visitantes em linha
posts recentes

Temos Benfica!

Venha o Porto!

As grandes noites europei...

Estamos outra vez de Volt...

Não podemos ficar a "boia...

mais comentados
429 comentários
295 comentários
280 comentários
253 comentários
últ. comentários
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
Quem é o melhor guarda-redes do Benfica depois de ...
MiguelAgradeço a participação, sempre oportuna e c...
Meu Amigo Está engana. fomos nós, sem apoio ou ace...
arquivos

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds